sexta-feira, 6 de maio de 2016

SERVIDORES DA POLÍCIA CIVIL FAZEM HOMENAGEM PELO DIA DAS MÃES

Servidores das Assessorias de Controle Interno (ACI) e de Comunicação Social (Ascom) da Polícia Civil realizaram, nesta sexta-feira, 6, um café-da-manhã especial em homenagem ao Dia das Mães, celebrado no próximo domingo. Na ocasião, eles se reuniram na sala da ACI, na Delegacia-Geral, para orar e celebrar a data especial, em que as mães são homenageadas pelos familiares. Foi um momento também de confraternização entre as duas Assessorias que integram os quadros da instituição policial.


Após a oração, os servidores falaram sobre a importância de sempre se reverenciar e reconhecer o valor das mães nas vidas de todos. Com lágrimas nos olhos, a técnica em gestão pública, Maurylena Santos, da ACI, destacou o papel cada vez mais importante das mães no contexto da sociedade em que vivemos. Para ela, é cada dia mais significativa na preparação e na formação do caráter dos filhos.

O delegado Alan de Sales, que recentemente passou a integrar a ACI, agradeceu pela dádiva de poder contar com a presença, com a orientação e o carinho dispensados pelas mães. "Aqueles que não as tem mais na terra tenham a certeza de que elas estão sempre ao lado", destacou. Ao final da oração e das falas de homenagem, o café da manhã foi servido.

PRESOS ACUSADOS DA AUTORIA DE HOMICÍDIO EM CASTANHAL

A Polícia Civil prendeu, na tarde desta quinta-feira, 5, Felipe Braga de Melo, de apelido "Baba Ovo", e Rogério Braga de Castro, conhecido por "Roge", em cumprimento a mandados de prisão preventiva decretados pela Justiça, acusados da autoria de um homicídio. O crime foi registrado em 22 de janeiro deste ano, quando a vítima, que era cadeirante, foi morta por dois homens, em Castanhal. Os criminosos atearam fogo na vítima que morreu no local do crime. Após tomar conhecimento do caso, policiais civis da Delegacia de Homicídios de Castanhal passaram a apurar os fatos e conseguiram descobrir os nomes dos suspeitos. 

FELIPE
ROGÉRIO
As investigações foram aprofundadas pela equipe policial até a descoberta do motivo do crime: uma dívida de parte da vítima decorrente da venda de drogas. Assim, explica o delegado Luís Xavier, titular da Superintendência de Castanhal, com o levantamento de provas, foram solicitadas à Justiça as prisões preventivas dos acusados. 

Com as ordens de prisão decretadas, explica o delegado, a equipe policial passou a fazer investigações para localizar os acusados. Felipe Melo foi preso em uma casa na cidade de Marituba, na região metropolitana de Belém. Ele foi encontrado por policiais civis de Marituba. Já Rogério Castro foi encontrado, em Castanhal, por policiais civis da Delegacia de Homicídios. Os dois já estão recolhidos à disposição da Justiça. 

POLÍCIA CIVIL RECUPERA R$ 40 MIL QUE HAVIAM SIDO ROUBADOS DE ESCOLA EM PARAUAPEBAS

A Polícia Civil prendeu em flagrante, na tarde desta quinta-feira, 5, após assaltar uma escola, no bairro Novo Paraíso, em Parauapebas, sudeste paraense, Christopher da Silva Lopes, 22 anos, e Abner Provázio Rodrigues, 26, de apelido "Paulistinha". Com os dois, os policiais civis recuperaram a quantia de R$ 40 mil roubada da instituição de ensino. A prisão dos acusados foi realizada pela equipe da Seccional Urbana de Parauapebas. O diretor da Seccional, delegado Gabriel Henrique Costa, explica que o crime ocorreu por volta de meio-dia. 


Os dois homens entraram na escola e anunciaram o assalto. Depois, renderam funcionários que foram levados para uma sala nas dependências da escola. Um dos acusados, segundo testemunhas, portava um revólver calibre 38. Em seguida, saquearam o dinheiro na secretaria. A quantia de R$ 40 mil seria usada para pagamento dos funcionários. Após o roubo, a Polícia Civil foi comunicada do crime. Os investigadores Rodrigo Bonfim e Odorico Almeida passaram a investigar o assalto e conseguiram localizar o paradeiro dos assaltantes, no bairro Vila Rica. 

Com eles, foi recuperado todo o dinheiro roubado escola. Além do dinheiro, um revólver usado no roubo, duas facas, munição e telefones celulares foram apreendidos com os presos. "Paulistinha" já foi preso anteriormente por crime de roubo. Os dois foram conduzidos até a Seccional de Parauapebas onde foram autuados em flagrante pelo crime e estão presos à disposição da Justiça.

POLÍCIA CIVIL FLAGRA TRÁFICO DE DROGAS NO BAIRRO DA MARAMBAIA EM BELÉM

A Polícia Civil prendeu em flagrante, nesta quinta-feira, 5, durante operação para apuração de denúncia anônima, no bairro da Marambaia, em Belém, Laura Machado Maciel, 29 anos. Ela foi flagrada, junto com um adolescente de 17 anos, em um ponto de venda de drogas no bairro, por policiais civis da Seccional Urbana da Marambaia. No local, foram apreendidas 34 "trouxinhas" de maconha e 55 petecas de pasta de cocaína. 


Também foram apreendidas substâncias usadas no refino da droga, como barrilha leve. Conforme o diretor da Seccional, delegado Pery Netto, o flagrante é resultado das constantes operações realizadas pela equipe de policiais da Seccional na apuração de informações sobre pontos de tráfico de drogas na circunscrição da unidade policial. 

Após o flagrante, a mulher foi conduzida para a Seccional, para ser autuada pelo crime de tráfico de drogas, enquanto o adolescente foi encaminhado à Divisão de Atendimento ao Adolescente (DATA), para responde por ato infracional análogo ao tráfico de entorpecentes.

POLÍCIA CIVIL DEFLAGRA OPERAÇÃO PARA DESARTICULAR PONTO DE TRÁFICO DE DROGAS NA TERRA-FIRME EM BELÉM

A Polícia Civil desarticulou, nesta sexta-feira, 6, um ponto de tráfico de drogas, localizado no bairro da Terra-Firme, em Belém, por meio de denúncia anônima enviada ao telefone 181, o Disque-Denúncia. No local, foi preso em flagrante Roberto Rodrigues Santana, 40 anos, que era responsável em manter o local de venda de cocaína, situado na Rua Santa Helena, entre Ruas São Pedro e Dois de Junho.  

Com ele, 18 "trouxas" de 50 gramas cada de cocaína e duas pedras de pó da droga apreendidas. 

A operação foi realizada por policiais civis da Unidade Integrada Pro Paz (UIPP) da Terra-Firme após recebimento de denúncia anônima repassada pelo Disque-Denúncia. 

Diante disso, explica o delegado Victor Manfrini, titular da UIPP e coordenador da operação, foi realizada a averiguação da denúncia. 

Durante a abordagem no endereço informado ao fone 181, os policiais civis constataram a prática criminosa no local, ao flagrar as drogas no local.

O preso foi conduzido para a UIPP da Terra-Firme, onde foi lavrado o flagrante por tráfico de entorpecentes e permanece recolhido à disposição da Justiça. 


A droga foi encaminhada para exame pericial de constatação no Centro de Perícias Científicas Renato Chaves. O delegado ressalta que as operações para investigar denúncias repassadas ao fone 181 irão continuar em todo bairro.

POLÍCIA CIVIL PRENDE ACUSADO DE ENVOLVIMENTO EM GOLPE NA CIDADE DE VIGIA DE NAZARÉ

A Polícia Civil de Vigia de Nazaré, nordeste paraense, cumpriu nesta quinta-feira, dia 5, o mandado de prisão preventiva expedido contra Paulo Sérgio Pacheco Cardoso, pelo crime de estelionato. Ele é acusado de aplicar golpes através do programa Cheque-Moradia, do Governo do Estado. Segundo o delegado Alexandre Lopes, o acusado recebia o Cheque-Moradia e não repassava os materiais de construção. 

MATERIAL APREENDIDO
Inicialmente, foram identificadas 15 vítimas, todas com benefícios no valor de R$ 7,8 mil. Porém, as investigações apontam que mais de 30 pessoas foram lesadas com o golpe. Em depoimento, Paulo Sérgio Cardoso afirmou que foi responsável por 400 Cheques-Moradias, mas que somente alguns não foram pagos no valor de R$ 90 mil em mercadorias, tendo ainda um crédito a ser usado no valor de R$ 50 mil. 

O acusado admitiu que não era cadastrado no programa e negociava os Cheques-Moradias com um terceiro ainda não identificado, mas que está sob investigação. Ele foi encaminhado para o Sistema Prisional e está recolhido à disposição da justiça.

POLÍCIA CIVIL APOIA ENCONTRO EM COMEMORAÇÃO AOS 10 ANOS DO PROGRAMA AMOR-EXIGENTE

A Polícia Civil em apoio ao programa Amor-Exigente convida os servidores da instituição e comunidade em geral a participar do encontro em comemoração aos 10 anos de existência dos grupos de Qualidade de vida Amor-Exigente no Estado do Pará. O programa conta com voluntários para sensibilizar as pessoas e levá-las a perceberem a necessidade de mudar o rumo de suas vidas a partir de si mesmas. 


Também atua como apoio e orientação aos familiares de dependentes químicos, e na prevenção como um movimento de proteção social. O evento vai contar com a presença do presidente da Federação do Amor-Exigente (FEAE), Luiz Fernando Cauduro, que irá palestrar sobre o tema "Ética na família", e do voluntário Renan Russo Machado, que irá ministrar a palestra sobre "Grupos de Sobriedade do AE". 

O encontro acontecerá no dia 25 de maio, a partir das 19:15, no auditório do Centro Universitário do Pará - Cesupa, localizado na Av. Nazaré, entre Rui Barbosa e Quintino Bocaiúva. A entrada é franca.

POLÍCIA CIVIL INCINERA MAIS DE 600 PÉS DE MACONHA APREENDIDOS EM SÃO FÉLIX DO XINGU

A Polícia Civil incinerou nesta quinta-feira, 6, mais de 600 pés de maconha apreendidos em duas operações realizadas nos meses de março e abril, na localidade Vale da Paz, zona rural do município de São Félix do Xingu, no sul do Pará. 

A incineração foi realizada em uma fábrica, na sede do município, e foi acompanhada por representantes do Ministério Público do Estado que atuam na Comarca de São Félix do Xingu. Segundo o delegado José Carlos Rodrigues, a apreensão da droga faz parte das diretrizes da Polícia Civil no município para o combate ao tráfico de entorpecentes na região do Alto Xingu.


Os pés de maconha, salienta o delegado, estavam recolhidos na sede da Delegacia, após terem sido apreendidas pelas Polícias Civil e Militar, como resultados das operações de repressão ao crime de tráfico de drogas.

Após a autorização da Justiça, as drogas foram retiradas do local e levadas em uma viatura até o local da incineração, onde foram retiradas e queimadas em fornos.