terça-feira, 26 de abril de 2016

POLÍCIA MILITAR PROMOVE SOLENIDADE DA ENTREGA DA MEDALHA DO MÉRITO TIRADENTES

A Polícia Civil foi uma das instituições condecoradas com a Medalha do Mérito Tiradentes, cuja solenidade foi realizada, nesta terça-feira, 26, na sede do clube Grêmio Literário Português, em Belém, em alusão ao Dia de Tiradentes, patrono da Polícia brasileira. Ao todo, 274 personalidades civis e militares receberam a honraria pela colaboração às atividades prestadas pela Polícia Militar do Pará. A honraria foi entregue aos delegados Claudio Galeno, diretor de Polícia Metropolitana, e Dilermando Dantas, diretor do Grupamento Fluvial de Segurança Pública. O evento também foi marcado pelo anúncio de promoções aos militares. Com a presença do governador Simão Jatene, 1.200 oficiais e praças foram promovidos aos postos e graduações da hierarquia policial militar, um dos maiores contingentes nestes quase 200 anos de criação da PM do Pará. 

Policiais militares são promovidos
SOLENIDADE
Somando-se às promoções em 2015, cerca de 7.300 militares ascenderam a novos postos nos últimos dois anos, marcando um novo recorde para a corporação. Esse foi o momento mais esperado da festa. Para a tenente-coronel Marielza Andrade da Silva, esse é um reconhecimento especial. “Estou muito feliz por receber essa progressão funcional. Esse governo investiu na promoção, um benefício que é muito maior a nível de Praças, pois antes não havia um plano de carreira pra eles. Hoje eles são reconhecidos e isso foi muito salutar para a corporação”, avaliou a tenente coronel. Até o fim do ano, 2.500 policiais deverão ser promovidos. 

Na ocasião, Simão Jatene lembrou o momento atual do país e disse acreditar que o Brasil é mais bem representado pelo seu povo. “Estamos numa profunda crise, mas esse país não é só isso. O Brasil não é só lava jato e corrupção. Esse país é um povo que trabalha, que luta e que supera desafios. É por isso que acredito que a crise é profunda, mas não será eterna”, avaliou o governador que, em seu discurso, agradeceu o trabalho realizado pela Polícia Militar do Pará. “Muito obrigado pelo trabalho cotidiano que muitas vezes não é reconhecido, pela dedicação que muitas vezes não é percebida, pelo respeito e pela compreensão de perceber o momento que estamos atravessando”. 

Governador presente na solenidade
GOVERNADOR NA SOLENIDADE
COMENDA Na solenidade foram anunciados os policiais militares que ao longo de suas carreiras têm trabalhado para o engrandecimento da PM do Pará e que serão condecorados com as medalhas de bons serviços por tempo de trabalho na corporação. Neste ano, 931 militares serão laureados com a medalha por completarem 10 anos de Polícia Militar; 407 militares por completarem 20 anos de corporação e 29 militares recebem a medalha por completarem 30 anos de serviços militares na PM. O cabo PM Carlos Gonçalves foi um dos agraciados. 

Com a filha Carla Maria, vestida com o uniforme da Rotam (Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas), ele disse que a medalha significa um reconhecimento pelos 22 anos dedicados ao trabalho como policial. “É muito gratificante. É muito bom receber o reconhecimento pelo trabalho que realizo diariamente em prol da sociedade paraense. O policial militar está sempre pronto para proteger a sociedade e mesmo diante das adversidades não desiste de combater a criminalidade”, garantiu. A homenagem a Tiradentes também teve a participação das crianças que fazem parte do Proerd (Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência) e da Equoterapia, programas que são desenvolvidos por policiais militares junto à comunidade. A programação também contou com exposição dos projetos e das tropas de Choque, Rotam e Comando e Operações Especiais (COE). 

PATRONO A Polícia Militar do Pará comemora o Dia de Tiradentes em homenagem ao Alferes de Cavalaria Joaquim José da Silva Xavier, que deu sua vida na luta pela independência do Brasil, durante a “Inconfidência Mineira”. Joaquim José da Silva Xavier, o Tiradentes, é conhecido como o Pai da Inconfidência Mineira (um dos mais importantes movimentos sociais do Brasil), que simboliza a luta do povo brasileiro pela liberdade contra a opressão do governo português.

POLICIAL CIVIL SAGRA-SE TERCEIRO LUGAR EM CAMPEONATO SUL-AMERICANO DE JIU JITSU EM SÃO PAULO

A Polícia Civil do Pará esteve representada no Campeonato Sul-Americano de Jiu Jitsu realizado em São Paulo, no último dia 9. O investigador Antonio Paulo Azevedo Costa, que é lotado na Delegacia de Igarapé-Miri, região do Baixo Tocantins, participou do torneio, em que conquistou o terceiro lugar. O policial civil também participou, no último dia 22, do Campeonato Brasileiro de Jiu Jitsu, realizado em Belém. 

Policial civil ficou em segundo lugar em Belém
POLICIAL CIVIL É MEDALHISTA EM CAMPEONATO
No campeonato, o investigador conquistou a segunda colocação na categoria média na faixa marrom. Amante do Jiu Jitsu, arte marcial japonesa, o policial civil vai continuar a disputar campeonatos país a fora para buscar novos títulos para sua carreira de esportista. 

POLÍCIA CIVIL LEVA SERVIÇOS DE SAÚDE A SERVIDORES PÚBLICOS NA DELEGACIA-GERAL EM BELÉM

A Diretoria de Atendimento ao Servidor (DAS), da Polícia Civil, levou, nesta terça-feira, 26, diversos serviços de saúde aos servidores públicos policiais e administrativos da corporação policial, na sede da Delegacia-Geral, em Belém. Atendimentos médicos, massagens, verificação de glicemia, avaliação do nível de estresse, cálculo do Índice de Massa Corporal (IMC), entre outros serviços, foram ministrados, pela equipe de profissionais que integra a Diretoria. 


 
Os serviços de saúde fazem parte do projeto denominado "Olé no Estresse", que visa levar diversos atendimentos de saúde aos servidores públicos da corporação no próprio local de trabalho. Os atendimentos prosseguem nesta quarta-feira, 26. Os servidores públicos da Polícia Civil, que compareceram ao auditório do bloco B, da Delegacia-Geral, tiveram a possibilidade de receber orientações gerais sobre a saúde. 



A diretora de atendimento ao servidor da Polícia Civil, delegada Leomar Maués, detalha que os atendimentos na Delegacia-Geral tiveram início na semana passada, nos dias 19 e 20. Iniciado no mês passado, o projeto "Olé no Estresse" já passou por diversas unidades policiais na região metropolitana de Belém.