quarta-feira, 23 de novembro de 2016

POLÍCIA CIVIL PRENDE AUTOR DE CRIME PASSIONAL EM MARABÁ

A Polícia Civil prendeu, na tarde de terça-feira, 22, o mecânico Igor Rafael Almeida Caldas, que confessou ter assassinado, por motivo passional, a ex-companheira Valéria dos Santos Sousa, 25 anos, em Marabá, sudeste paraense. O corpo dela foi encontrado em um matagal, às proximidades da Vila Landir, em São João do Araguaia, na segunda-feira passada. A prisão foi realizada pela equipe de policiais civis da Superintendência de Polícia Civil do Sudeste Paraense comandada pelos delegados Tony Vargas; Raissa Beleboni, titular da Delegacia de Homicídios de Marabá, e Ana Paula Matos Trigo, titular da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam). 

PRESO 
O crime foi premeditado pelo acusado, que marcou um encontro com a vítima, por meio de mensagem via aplicativo WhatsApp, no sábado passado. As informações colhidas nas investigações são de que o acusado devia dinheiro da pensão dos dois filhos e o encontro teria como objetivo tratar do assunto. Porém, no local do encontro, os dois teriam tido uma discussão que resultou em uma luta corporal. Durante a briga, ele pegou uma faca, segundo versão do acusado, estaria com a vítima e a matou com, pelo menos, três facadas nas costas e tórax. 

VÍTIMA
Em depoimento, o preso alegou que agiu em legítima defesa. Após matar a vítima, ele ainda esfaqueou outras vezes o corpo e depois se livrou da faca. Em seguida, lavou o carro que usava e foi embora para casa, deixando o corpo escondido na mata. O veículo pertence a um cliente da oficina na qual o preso trabalha e foi usado pelo acusado sem conhecimento do dono. Ele chegou a se apresentar à Polícia Civil na segunda-feira para prestar depoimento em que apresentou uma versão diferente. Ele teve a prisão preventiva decretada pelo juiz Luciano Mendes Scaliza, da Comarca de São João do Araguaia. O veículo usado no crime foi encontrado e passou por perícia. O inquérito foi encaminhado à Justiça. O preso permanece recolhido em Marabá.

Nenhum comentário: