sábado, 23 de julho de 2016

POLÍCIA CIVIL VAI ATUAR PARA PREVENIR E COMBATER A POLUIÇÃO SONORA NAS PRAIAS EM JULHO

A Polícia Civil vai atuar, neste final de semana, com equipes da Divisão Especializada em Meio-Ambiente (DEMA), nos balneários de Mosqueiro, Salinópolis e Marudá em Marapanim, para atuar na prevenção da poluição sonora e da perturbação do sossego público. A operação "Disque-Silêncio", que faz parte do planejamento da operação "Verão 2016", do Sistema Integrado de Segurança Pública do Estado, será realizada desde a noite desta sexta-feira, 22, e se estenderá até a madrugada de segunda-feira. 

A ação visa coibir os crimes ambientais por meio da orientação dos banhistas para que não causem transtornos nessas localidades, que são os balneários mais procurados e que mais registram demandas da população quanto ao barulho excessivo gerado, principalmente, de veículos, residências e de estabelecimentos comerciais e de eventos. As equipes da DEMA estarão em contato direto com as Delegacias dessas localidades e com a Polícia Militar para atender as demandas relacionadas à poluição sonora e perturbação do sossego público. 


Para acionar a DEMA, o cidadão pode entrar em contato com o fone 190. Em Salinópolis e Marudá, as ligações serão direcionadas aos Núcleos Integrados de Operações (NIOPs) regionais para atender as denúncias de poluição sonora. Em Mosqueiro, as ligações serão recepcionadas pelo Centro Integrado de Operações (CIOP) de Belém. As Delegacias locais e as próprias viaturas policiais, tanto da PM quanto da Polícia Civil, poderão ser acionadas para atender as reclamações. 

Segundo o delegado Marcos Lemos, da DEMA, as equipes da operação "Disque-Silêncio" estão orientadas a atuar inicialmente de forma pedagógica, para advertir e orientar as pessoas que estejam gerando poluição sonora, para que reduzam o volume do som. Ao mesmo tempo em que orientam as pessoas, os policiais da DEMA anotarão dados, como placa, modelo do carro, endereço, nome e tipo de ponto comercial ou casa de festas. "Em caso de haver nova reclamação contra a mesma pessoa ou local, iremos tomar providências, inclusive com apreensão de fonte sonora e condução do infrator até a Delegacia", explica. 

Conforme o delegado, nos dois primeiros finais de semana, a DEMA não registrou autuações na Delegacia por poluição sonora nas praias de Salinópolis, o mais frequentado balneário do Pará durante os finais de semana de julho. "Tivemos diversas advertências, principalmente, com relação a condutores de carros vindos de outras regiões do Estado e até de outros Estados, que alegaram desconhecer que o crime de poluição sonora", detalha o delegado, que vai coordenar a equipe da DEMA no balneário nos próximos finais de semana de julho. Neste final de semana, a equipe da DEMA será coordenada pela delegada Virginia Nascimento em Mosqueiro. Já em Marudá, a operação será realizada por outra equipe da DEMA sob coordenação do delegado Vicente Costa. As equipes da Divisão Especializada em Meio-Ambiente (DEMA) irão trafegar pelas praias dos balneários.

Nenhum comentário: