terça-feira, 3 de maio de 2016

POLÍCIA CIVIL DEFLAGRA OPERAÇÃO "XEQUE MATE" PARA CUMPRIR MANDADOS DE PRISÃO NA GRANDE BELÉM

A Polícia Civil deflagrou, na manhã desta terça-feira, 3, a operação "Xeque Mate", para dar cumprimento a cerca de 100 mandados de prisão de pessoas envolvidas em crimes, como roubos, homicídios e tráfico de drogas. Até o final da manhã, mais de 30 mandados foram cumpridos. Todos os presos foram conduzidos primeiramente para as Delegacias e Seccionais, de Belém e Região Metropolitana, e depois apresentados na Delegacia-Geral, em Belém, para serem periciados e em seguida ficarem recolhidos à disposição da Justiça. Sob coordenação da Diretoria de Polícia Metropolitana (DPM), da Polícia Civil, a operação contou com apoio da Polícia Militar. 

 
O delegado Cláudio Galeno, diretor de Polícia Metropolitana, explica que, além de cumprir os mandados judiciais, a operação teve por objetivo levar mais segurança à população. Ele detalha que foram levantados os mandados de prisão ainda pendentes de cumprimento, entre mandados de prisão preventiva, prisão temporária, recaptura e mandados por condenação judicial. Com apoio da Polinter (Delegacia Interestadual de Buscas e Capturas), a operação contou com um levantamento das ordens judiciais de processos julgados outros ainda em tramitação que ainda estavam pendentes. Diante disso, os mandados foram repassados às Delegacias e Seccionais de Belém, Ananindeua, Marituba e Benevides, para cumprimento. 


A partir de 6 horas da manhã desta terça-feira, policiais civis e militares saíram das sedes das unidades policiais em direção aos endereços dos procurados. A maioria dos foragidos responde por roubo e tráfico. Também há casos de processos por crimes de estupro, estelionato, violência doméstica e apropriação indébita. O delegado Galeno ressalta que foi a sexta operação "Xeque Mate" realizada desde o ano passado. Após apresentação dos presos na Delegacia-Geral, todos passaram por perícia e em seguida foram conduzidos ao Sistema Penitenciário para ficarem recolhidos à disposição da Justiça. 


Dentre os presos, seis foram capturados no bairro da Terra-Firme, onde respondem processos por roubo e tráfico de drogas, segundo explica o delegado Victor Manfrini, diretor da Unidade Integrada Pro Paz (UIPP), do bairro. Já na área da Seccional da Cremação, o delegado Aldo Botelho, diretor da unidade policial, explica que foram cumpridos nove mandados. Quatro foram presos, dois já estavam presos no Sistema Penitenciário e outros três já haviam falecido. Conforme o delegado Galeno, a operação vai se estender pelos próximos dias até que todos os mandados em aberto sejam cumpridos. 

Nenhum comentário: