quarta-feira, 2 de março de 2016

PRESO AUTOR DE HOMICÍDIO EM TAILÂNDIA

A Polícia Civil prendeu em flagrante, na manhã desta quarta-feira, 2, Sérgio Paulo de Oliveira Braga, 21 anos, pela autoria de um homicídio com características de execução, em Tailândia, nordeste paraense. Ele matou a tiros, durante a noite da última segunda-feira passada, 29, Francisco Gasimiro Araújo, 51 anos, natural do Estado do Maranhão, e que trabalhava para o ex-prefeito do município, Francisco Alves Vasconcelos, conhecido como Chico Baratão. A vítima, que era conhecida como Aristeu, foi morta enquanto jogava baralho ao lado do ex-prefeito, na calçada ao lado do comércio de propriedade de Francisco. A motivação do crime ainda está sob investigação para apurar se foi crime de encomenda. 


PRESO
Imagens de câmera de segurança de um bar ajudaram na identificação do autor do crime. Os vídeos mostram o momento em que o criminoso chega ao local onde estavam as vítimas e faz disparos. Depois dos tiros, o atirador foge na garupa de uma moto que é pilotada por um comparsa. As imagens foram compartilhadas em grupos de WhatsApp na região. Durante as investigações presididas pela delegada Aline Macedo, titular da Delegacia de Tailândia, foi descoberto que o acusado veio no domingo passado de Belém, onde mora, apenas para cometer o crime no município. 

Na segunda-feira passada, ele roubou a moto. Sérgio Paulo foi preso após ser tentar fugir de uma barreira de fiscalização de trânsito montada por policiais rodoviários estaduais, em Abaetetuba. Ele foi conduzido até a Delegacia de Tailândia, onde foi apresentado à equipe formada pela delegada Aline Macedo, investigadores Getúlio Aguiar, Gilson Guimarães e Igor Oliveira. 

As vítimas do roubo da moto e testemunhas do homicídio reconheceram o preso como autor dos disparos. A delegada autuou o acusado em flagrante pelo homicídio e pelo roubo da moto. Toda a investigação contou com apoio do delegado Sandro Rivelino, superintendente da região do Lago de Tucuruí. Segundo a delegada, as investigações prosseguem, pois, ressalta a delegada, mais duas pessoas teriam participado do crime. 

Nenhum comentário: