quinta-feira, 21 de novembro de 2013

DELEGADOS DA POLÍCIA CIVIL DO PARÁ PARTICIPAM DE 28º CONGRESSO NACIONAL DOS DELEGADOS EM FORTALEZA

A Polícia Civil do Pará está presente, em Fortaleza, capital do Ceará, durante a 28ª edição do Congresso Nacional dos Delegados de Polícia do Brasil, evento promovido pela Associação dos Delegados de Polícia do Brasil (ADEPOL-BR). A delegação do Pará é formada por mais de 10 delegados. Entre eles está a delegada-geral adjunta da Polícia Civil, Christiane Ferreira; a diretora de Polícia Metropolitana, delegada Ione Coelho; a diretora da Academia da Polícia Civil, delegada Liane Martins; a chefe de gabinete da Delegacia-Geral, delegada Vera Loureiro, e o diretor do Grupamento Fluvial de Segurança Pública, delegado Dilermando Junior. Também estão no evento as delegadas Mônica Oliveira, Michele Dantas, Isomary Régis e Joseana Falcão, e os delegados Marcus Vinícius Nascimento, Roberto Chada  e Jorge Novais.

DELEGADOS DO PARÁ PRESENTES NO EVENTO
O evento teve início ontem, dia 20, com o credenciamento dos participantes e solenidade de abertura, e prossegue até o próximo dia 23, no Resort Vila Galé Cumbuco. O Congresso reúne delegados de Polícia Civil de todo Brasil e é o principal congresso da categoria no país. Durante o encontro, os delegados irão debater assuntos diversos de interesse das instituições policiais, como a investigação criminal, a defesa dos direitos do cidadão, mediação de conflitos, relações jurídicas, atribuições de Polícia Judiciária, entre outros temas.

Nesta quinta-feira, 21, os participantes do evento debateram, pela manhã, o tema “A investigação criminal e a defesa dos direitos do cidadão”, cuja palestra foi ministrada pelo professor doutor Luiz Flávio Borges D'Urso, membro do Conselho Federal da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) e doutor em Direito Penal. Ainda, pela manhã, a temática “A ADEPOL do Brasil no STF”, foi tratada pelo doutor Wladimir Sérgio Reale, vice-presidente jurídico da ADEPOL/BR e presidente da ADEPOL, do Rio de Janeiro. Outro assunto tratado foi “O Delegado de Polícia na mediação de conflitos” sob presidência do doutor Luiz Flávio Gomes, jurista e cientista criminal.

Nenhum comentário: