quinta-feira, 28 de maio de 2015

EMPRESÁRIO É PRESO ACUSADO DE ESTUPRO DE VULNERÁVEL E EXPLORAÇÃO SEXUAL EM PARAUAPEBAS

A Polícia Civil de Parauapebas, sudeste paraense, por meio da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM), cumpriu o mandado de prisão preventiva expedido contra o empresário Russel Marcio Martins Rocha, pelo crime de estupro de vulnerável e exploração sexual de crianças e adolescentes. 


Segundo investigações, ele aliciava adolescentes de baixa renda a manter relações sexuais com ele mediante pagamento. As vítimas tem entre 13 e 16 anos de idade. O acusado já está recolhido à disposição da justiça.

OPERAÇÃO POLICIAL COMBATE CRIME NA CAPITAL PARAENSE

Equipes da Polícia Militar, Guarda Municipal de Belém e Superintendência de Mobilidade Urbana de Belém (Semob) deram início às 10 horas desta quinta-feira, 28, a uma operação na avenida Senador Lemos, próximo da área da Ponte do Galo, bairro da Sacramenta. De acordo com o capitão PM Fábio Brito, o local foi escolhido por ser uma via de grande fluxo de veículos e pessoas, com a presença de vários pontos comerciais. Em menos de uma hora, duas motocicletas e dois carros já tinham sido apreendidos. Até o início da tarde foram fiscalizados 55 motos, 31 carros e nove caminhões.


“A avenida foi escolhida por ser bastante movimentada. E nesse perímetro temos feiras, ponto de táxi, supermercados e outros estabelecimentos que atraem centenas de pessoas, além de ser um local de passagem obrigatória para quem vem do centro da cidade com destino às avenidas Independência, Júlio César e Pedro Álvares Cabral. Por outro lado, também registram-se altos índices de criminalidade, principalmente a noite, quando é justamente quando movimento cai”, explicou o capitão. 


Ao todo, 12 homens da Guarda Municipal de Belém, 10 agentes da Semob e 12 policiais militares participam da ação, realizada também em outros pontos da capital e Região Metropolitana. “Temos várias equipes espalhadas por diferentes pontos da capital coordenando ações de fiscalização para que possamos dar uma resposta à altura para a população. O objetivo é unir forças para combater a criminalidade”, reforçou o inspetor da Guarda Municipal, Ben Hamid. 

Os moradores e comerciantes da área e entorno da Ponte do Galo aprovaram a ação. “É a nossa segurança que está em jogo. Para a população é muito importante ver a polícia na rua”, destacou Ester Araújo, moradora da Sacramenta. O comerciante Júlio Cesar Nascimento concorda. “É muito melhor para a cidade. Principalmente para nós, que trabalhamos aqui. Nos sentimos mais seguros com a polícia perto.” 

ARTIGO: "A ALTA E A BAIXA ESCALADA DA VIOLÊNCIA" POR ARMANDO MOURÃO*

É fato que os animais agem instintivamente na luta pela sobrevivência, utilizando-se de toda e qualquer arma colocada à sua disposição. Assim, na vida animal, a violência é um elemento natural que faz parte de um ciclo independente, resultante do instinto de conservação. Todavia, os animais só se utilizam dessa prática na busca de alimento, na luta pelo território ou na disputa pela fêmea; ou ainda, quando se sentem ameaçados. Ou seja, somente em situações extremas, em prol da conservação da espécie. O homem também é um animal, não fugindo à regra, que se utiliza da violência para sobreviver. 

Porém, extrapola os limites do natural e, muitas vezes, age violentamente a ponto de prejudicar a sua própria espécie, fato que contraria as leis da natureza. As pessoas culpam todo tipo de situação ou condição ao tentar explicar o porquê da violência humana, sem perceber, entretanto, que esta não é o resultado de meros fatores adversos. Sim, é verdade que focos de violência podem se concentrar mais em alguns lugares do que em outros. Em maior proporção, claro nos países subdesenvolvidos, nas sociedades sem leis, diferentemente onde o estatuto repressivo é bem mais rígido. 

Todavia, estes não são fatores indispensáveis à sua prática, mas apenas condições agravantes. É fácil dizer que a violência existe em razão da desigualdade econômica, ou porque as leis são frágeis, e ainda porque não existe um eficiente trabalho de repressão. Estes, na verdade são apenas elementos que colaboram para a prática de atos violentos, todavia estão longe de ser sua justificativa principal. 

Não é à toa que países culturalmente distintos, com leis diferentes e economias diversas apresentam altos índices de violência, citando-se, por exemplo, os Estados Unidos, como referencia no âmbito da violência. Pode-se dizer, então que a fome, a miséria, a desigualdade social, a impunidade, a corrupção, a fragilidade das leis e outros fatores, são fontes que impulsionam a violência, entretanto não se constituem na sua principal base. É importante ir além e entender porque as atitudes violentas sempre existiram e existem em qualquer lugar ou sociedade, afinal não representam apenas condições momentâneas.

*ARMANDO MOURÃO É DELEGADO DA POLÍCIA CIVIL DO PARÁ E DIRETOR DA SECCIONAL URBANA DE ANANINDEUA, NA GRANDE BELÉM.

sábado, 23 de maio de 2015

POLÍCIA CIVIL ESTOURA "FORTALEZA" DE EMPRESA CLANDESTINA DE LOTERIA EM VIGIA DE NAZARÉ

A Polícia Civil prendeu em flagrante, nesta sexta-feira, 22, por crime de corrupção ativa e por praticar exploração de loteria sem permissão legal, Odiel José de Araújo, durante operação policial, em Vigia de Nazaré, nordeste paraense. A prisão do acusado foi deflagrada após ele oferecer aos policiais civis da Unidade Integrada Pro Paz a quantia de R$ 1.000 para fazerem "vista grossa" diante da atividade ilegal. 

SEDE DA EMPRESA
MATERIAL APREENDIDO
CARTELA DOS SORTEIOS
O delegado Alexandre Lopes, da UIPP de Vigia de Nazaré, informou que já investigava a prática ilícita cometida pelo acusado, que estava divulgando na cidade o sorteio dos prêmios pela empresa denominada "Vigia Show de Prêmios". As investigações mostraram que as cartelas dos sorteios eram vendidas em diversos municípios da região nordeste paraense, como São Caetano de Odivelas, Santo Antônio do Tauá, Curuçá e Marapanim. 

Após prender o acusado por corrupção ativa, a equipe policial formada pelos investigadores Evanderson e Marcelo, sob comando do delegado, foi até a sede da empresa do acusado. No local, os policiais civis fizeram a apreensão de diversos materiais usados em publicidades, cartelas, selos, notas promissórias, motos, dentre outros objetos. O preso está recolhido à disposição da Justiça.

PRESA DUPLA ACUSADA DE MATAR EX-AGENTE PRISIONAL EM BREVES

Policiais civis e militares prenderam, nesta sexta-feira, 22, em cumprimento a mandados de prisão expedidos pela Justiça, o fotógrafo macapaense Railson Nunes de Souza, 24 anos, e o estudante paraense Benedito das Graças Vieira Lopes Neto, 18, acusados de envolvimento na morte de um ex-agente prisional, em Breves, na ilha do Marajó. 

Os dois foram presos em operação policial conjunta que teve participação dos delegados Rodrigo Paggi, titular da Superintendência da Região do Marajó Ocidental, Renata Gurgel e Rigoberto Mesquita, juntamente com os investigadores Paulo Aragão, Moacir, George e Fernandes. Os dois permanecerão presos à disposição da Justiça.

sexta-feira, 22 de maio de 2015

POLÍCIA CIVIL E MILITAR CUMPREM MANDADO DE PRISÃO DE FORAGIDO ACUSADO DE ESTUPRAR CRIANÇAS EM VIGIA DE NAZARÉ

Policiais civis e militares cumpriram, nesta sexta-feira, 22, mandado de prisão preventiva decretado pela Justiça contra Alaelson Moraes dos Santos, acusado de estuprar duas meninas e de fazer ameaças às vítimas. A prisão foi cumprida pelo delegado Alexandre Lopes, da Unidade Integrada Pro Paz de Vigia de Nazaré, nordeste paraense. Os crimes foram cometidos no ano passado. Desde então, o acusado estava na condição de foragido. 

Segundo o delegado, Alaelson era responsável em fazer ameaças de morte âs meninas, caso revelassem o crime. As ordens judiciais de prisão foram expedidas após realização de exames periciais que comprovaram os crimes sexuais contra as vítimas. Alaelson está recolhido à disposição da Justiça.

POLÍCIA CIVIL DESARTICULA ASSOCIAÇÃO CRIMINOSA QUE CONTROLAVA TRÁFICO DE DROGAS EM SANTA MARIA DO PARÁ

A Polícia Civil desarticulou, nesta sexta-feira, 22, durante a operação policial, um grupo de criminosos responsável em controlar o tráfico de drogas e por outras práticas ilegais, no município de Santa Maria do Pará, nordeste paraense. Seis envolvidos foram presos. Todos pertencem à mesma família. Com eles, foram apreendidas drogas, dinheiro, armas e objetos usados no preparo e refino dos entorpecentes. 


Os presos são José Maria Gomes de Freitas, 66 anos; Ivan de Sousa Freitas, 26; Francisco Ivanilson de Sousa Freitas, 29; Gabriel de Aquino e Silva, 19; Elielton Monteiro Pereira, 27, e Maria de Nazaré Lopes da Cruz, 16. A ação policial contou com nove equipes de policiais civis, com um total de 36 policiais, sob coordenação dos delegados Luís Xavier, titular da Superintendência da Região Integrada do Guamá, e Everaldo Negrão, titular da Unidade Integrada Pro Paz de Santa Maria do Pará. 

Estiveram em atuação policiais civis do Núcleo de Apoio à Investigação de Castanhal, da Delegacia de Homicídios de Castanhal, da Seccional de Jaderlândia, da Delegacia da Mulher de Castanhal, e das Delegacias de Curuçá, Santo Antonio do Tauá e Bujaru, para dar cumprimento a nove mandados judiciais, entre prisão preventiva e busca e apreensão domiciliar. As investigações foram comandadas pela equipe do delegado Everaldo Negrão, que solicitou as decretações das ordens judiciais à Comarca de Santa Maria do Pará. 

PRESO ACUSADO DE MATAR VAQUEIRO EM SEDE DE FAZENDA NA CIDADE DE CAPANEMA

A Polícia Civil do município de Capanema, nordeste do Pará, deram cumprimento no último dia 21, ao mandado de prisão preventiva expedido contra Gilmar da Silva Alves. Ele é acusado de matar Raimundo Nonato Moura, vaqueiro da fazenda Santa Lúcia, localizada no KM 2 da BR 318, que liga Capanema a Bragança. 

PRESO
O crime foi motivado por um envolvimento amoroso da esposa de Gilmar Alves com a vítima. O corpo de Raimundo Nonato, que estava desaparecido desde o último dia 17, foi encontrado na última quarta-feira, dentro da própria fazenda. O acusado já está recolhido à disposição da justiça.

PRESO ACUSADO DE ROUBO E RECEPTAÇÃO EM NOVO REPARTIMENTO

A Polícia Civil do município de Novo Repartimento, sudeste paraense, deflagrou a primeira fase da operação "Moto/Pista" visando combater o comércio ilegal de veículos com registro de furtos e roubos na zona rural do município. A operação teve como resultado a apreensão de 8 motocicletas, uma espingarda calibre 20 e a prisão de Tiago Luz Souza, principal receptador e vendedor de motocicletas da região. Na residência do acusado, foram encontradas duas motocicletas roubadas. 

PRESO
APREENSÕES
A Polícia Civil conseguiu também identificar um "sócio" de Tiago Luz. Junior Francisco da Rocha é acusado de participar da venda ilegal de veículos. Na residência dele, foram encontradas uma motocicleta e uma espingarda calibre 20. A equipe policial continua com as investigações para localizar Junior Francisco da Rocha e localizar os demais veículos roubados em Novo Repartimento.

POLÍCIA CIVIL PRENDE ACUSADOS DE ENVOLVIMENTO EM ASSALTO A BANCO NA CIDADE DE PRIMAVERA

As Polícias Civil e Militar dos municípios de Capanema e Primavera, nordeste do Pará, com o apoio da Divisão de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) e do Grupamento Tático Ostensivo (GTO), prenderam em flagrante nesta quinta-feira, dia 21, Márcio Antonio Farias Gomes, de 36 anos, e Paulo Vitor Brito de Souza, acusados de roubarem uma agência do Banpará no município de Primavera. 

Na ocasião, quatro homens usando distintivos falsos da Polícia Civil, subtraíram uma grande quantia em dinheiro do banco. Márcio Antonio é proprietário do sítio, onde a associação criminosa se reuniu para planejar o roubo. 

Com ele, foi apreendido parte do dinheiro roubado. O segundo suspeito detido, Paulo Vitor Brito, é apontado como proprietário do veículo usado pela quadrilha na ação. Com ele, os policiais apreenderam uma arma de fogo. Os acusados estão recolhidos à disposição da justiça.

quinta-feira, 21 de maio de 2015

POLÍCIA CIVIL CUMPRE MANDADO DE PRISÃO DE ACUSADO DE ESTUPRAR CRIANÇA DE 7 ANOS EM ANANINDEUA

ACUSADO
A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Atendimento à Criança e ao Adolescente (DEACA), deu cumprimento na última terça-feira, dia 19, em Ananindeua, ao mandado de prisão preventiva expedido contra Diego Gonçalves Correa, de 29 anos, pelo crime de estupro de vulnerável. Ele é acusado de violentar sexualmente uma criança de 7 anos de idade. A prisão foi efetuada pelos investigadores Denilson Bastos, Ionilde Azevedo e Joselito Cardoso, sob a coordenação da delegada Silvia Mara Ferreira.

POLÍCIAS CIVIL E MILITAR ESCLARECEM HOMICÍDIO NA ZONA RURAL DE GARRAFÃO DO NORTE

As Polícias Civil e Militar esclareceram em tempo hábil um homicídio registrado, no último dia 19, na Vila do Tatajubinha, zona rural de Garrafão do Norte, nordeste paraense. A vítima José Nilson de Souza Saraiva, 29 anos, foi morta por dois homens durante evento festivo realizado na região. Os autores do crime foram presos logo após a prática criminosa. 

LOCAL DO CRIME
Rogério Martins Soares, de apelido "Bicudo", e Fernando Freire Raiol, conhecido como "Jabiraca", foram identificados como os criminosos que chegaram ao local do crime numa motocicleta de cor preta. Populares ouviram os disparos e presenciaram quando a dupla saiu em fuga do local. No mesmo instante, a Polícia Militar foi acionada, e, no local, os policiais militares se depararam com os acusados que empurravam a moto pela rodovia PA-124. 

A dupla foi conduzida até a Delegacia de Garrafão do Norte, onde a delegada Nathanna Meireles, os autuou pelo crime de homicídio qualificado e pela receptação da moto, pois se trata de um veículo roubado no município de São Domingos do Capim.

POLÍCIA CIVIL PARTICIPA DE CAMPANHA DE COMBATE AO ABUSO E À EXPLORAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES EM AURORA DO PARÁ

A Polícia Civil foi uma das instituições que participaram de uma caminhada alusiva ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, celebrado no último dia 18, em Aurora do Pará, nordeste do Estado. O evento foi uma promoção da Prefeitura Municipal, por meio das Secretarias de Educação e de Cultura, e dos Centros de Referência Especializada (Creas) e de Referência em Assistência Social (Cras). 

Pela Polícia Civil, a delegada Fernanda Almeida, titular de Aurora do Pará, vestiu a camisa da campanha, que conclamava a comunidade a fazer bonito denunciando a exploração sexual de crianças e adolescentes, ao fone do Conselho Tutelar da cidade. A delegada explica que a campanha foi muita proveitosa, principalmente, porque possibilitou o engajamento da sociedade na causa em prol das crianças e adolescentes contra os abusos e atos de exploração sexual. 

Segundo ela, durante o evento, os órgãos envolvidos na ação alertaram as pessoas que não silenciem diante da gravidade dos crimes sexuais. "Mostramos à população que estamos sempre à disposição para atendê-la", salientou a policial civil, ao se referir aos casos de denúncias dessas práticas criminosas. O fone do Conselho Tutelar de Aurora do Pará para denúncias de crimes na região é (91) 98180-4351.

quarta-feira, 20 de maio de 2015

POLÍCIA CIVIL PRENDE AUTOR DE ABUSO SEXUAL NA CIDADE DE CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA

A Polícia Civil de Conceição do Araguaia, sudeste paraense, prendeu no último dia 19, Renato Oliveira dos Santos, pelo crime de abuso sexual. Ele é acusado de agredir e violentar sexualmente uma senhora de 53 anos de idade. O corpo da vítima foi encontrado por moradores em um matagal, sendo levada para o Hospital Regional do município, onde está em estado gravíssimo. 


A prisão do acusado ocorreu no Km 18 da rodovia PA 287, em uma localidade conhecida como "Jatobá". Ele foi encaminhado para a Delegacia de Conceição do Araguaia onde está recolhido à disposição da justiça. Participaram da operação o delegado Pedro Henrique e os investigadores Washington e Manoel.

POLÍCIA CIVIL DEFLAGRA OPERAÇÃO PARA COMBATER CRIME AMBIENTAL EM ABEL FIGUEIREDO

A Polícia Civil de Abel Figueiredo, sudeste paraense, deflagrou na última terça-feira, 19, a operação "Águas Claras", visando acabar com a exploração ilegal de minérios que poluem os rios. Durante a operação, a equipe policial, para intensificar a repressão a esse tipo de crime, foi até um local de exploração de areia, de propriedade de Nailton Barbosa Pinheiro. 


No local, era extraído ilegalmente uma grande quantidade de areia, provocando a erosão do solo, assoreamento e poluição dos rios. O acusado foi detido e encaminhado para a Delegacia de Abel Figueiredo, onde irá responder por crime ambiental. Participaram da operação o delegado Jailson Lucnea e o investigador Edward Arao Junior.

terça-feira, 19 de maio de 2015

POLÍCIA MILITAR DIVULGA NOTA DE PESAR SOBRE FALECIMENTO DO CABO JOSIAS CIRILO

A Polícia Militar do Pará, por meio de seu Comandante Geral, coronel Roberto Campos, Oficiais e Praças da Corporação, comunica com profundo pesar o falecimento do cabo PM Josias Cirilo Rego, integrante do efetivo do 24º Batalhão PM, após período de tratamento médico intensivo provocado pela vitimização do militar por projétil de arma de fogo quando o mesmo participava de um evento de tomada de refém em 8 de maio deste ano, quando o policial foi gravemente ferido em circunstâncias que estão sendo investigadas pela Polícia Civil e pela Corregedoria da Polícia Militar. 

O cabo Cirilo, que tinha 42 anos de idade, deixa a família miliciana, seus amigos e demais familiares com saudades de sua convivência, mas na certeza que Deus o acolherá e dará o conforto necessário a todos os que o tinham como pai, amigo, companheiro. É mais um guardião que tomba no cumprimento de seu dever legal, no sacrifício de sua vida em prol da sociedade paraense; por isso, esta Corporação expressa sua gratidão pelos 20 anos em que o militar compôs as fileiras da PMPA. 

O militar, por decisão da família, será velado a partir das 13h no Clube Big Ben, na rodovia do Tapanã e o enterro será às 10h da quarta-feira, 20 de maio, no cemitério de São Sebastião, em Ananindeua, em um jazigo da família. A Polícia Militar, que prestou toda a assistência possível desde os primeiros momentos do ocorrido com o militar, incluindo o atendimento Psicológico e de Assistência Social, extensivo aos familiares, agradece a todos os que comparecerem à despedida ao cabo Cirilo. Deus conceda a todos resignação, serenidade e fortaleza.

ESCOLA DE GOVERNANÇA PÚBLICA OFERECE CURSO VOLTADO A SERVIDORES PÚBLICOS DO ESTADO DO PARÁ

A Escola de Governança Pública do Estado do Pará vai promover a Pós-Graduação Latu Sensu em nível de especialização em Gestão Pública com ênfase em Desenvolvimento de Pessoas e Políticas Públicas e Governança. O curso tem muita importância para policiais, principalmente, aos que atuam ou pretendem atuar em cargos de gestão administrativa nas corporações policiais. Estão sendo oferecidas 60 vagas, das quais 30 para Desenvolvimento de Pessoas e Políticas Públicas e outras 30 para Governança. 

CURSO SERÁ NA ESCOLA DE GOVERNANÇA DO PARÁ
O curso será ministrado pela Escola de Governança Pública do Estado do Pará (EGPA) na modalidade presencial modular, com duração de 386 horas, e financiado integralmente com recursos financeiros do Governo do Estado do Pará. Podem se inscrever servidores públicos efetivos estaduais ou empregados públicos efetivos estaduais. É necessário ter graduação em nível superior, com diploma reconhecido pelo Ministério da Educação e não ter participado de curso de especialização financiado pelo Estado nos últimos três anos. Não podem inscrever-se servidores públicos aposentados. As inscrições poderão ser feitas até o dia 22 deste mês. Mais informações no Centro de Pós-Graduação (CPOS): 3214-6843, com Rose Leão ou Mônica Tembra.

PRESOS ENVOLVIDOS EM ROUBOS A POSTOS DE COMBUSTÍVEL E PONTOS COMERCIAIS EM PLACAS NO PARÁ

As Polícias Civil e Militar do município de Placas, oeste do Pará, prenderam na madrugada desta segunda-feira, 18, Danilo Ferreira Fernandes e Moisés Domingos da Silva, pelos crimes de roubo e posse ilegal de arma de fogo. Eles são acusados de roubar postos de combustível e estabelecimentos comerciais nos municípios de Placas, Rurópolis e Uruará. 

PRESOS
Com eles, foram encontrados vários aparelhos celulares e a quantia de R$ 1612,00. Na mesma madrugada, foi preso também Geisson Francisco Silva, pelo crime de posse ilegal de arma de fogo. Os acusados estão recolhidos à disposição da justiça. Participaram da operação o delegado Celso Saldanha, o investigador Marcos Aldrin, o subtenente Queiroz e o cabo Genival Baia, da Polícia Militar.

PRESO ENVOLVIDO ASSALTOS A BANCO NA MODALIDADE "SAPATINHO" EM MARABÁ

A Polícia Civil, por meio do Núcleo de Apoio à Investigação de Marabá (NAI), deu cumprimento nesta segunda-feira, 18, ao mandado de prisão preventiva expedido contra Maxon Oliveira Silva. Já foram identificados outros seis mandados de prisão decorrentes de vários Estados expedidos contra ele pelos crimes de extorsão mediante sequestro, conhecido como "sapatinho", e por uso de documento falso. 

PRESO
A prisão do acusado foi cumprida sob a supervisão do superintendente de Polícia Civil do Sudeste Paraense, delegado Marcelo Delgado.

PRESO POR ESTUPRAR CRIANÇA DE CINCO ANOS É PRESO QUANDO PRETENDIA FUGIR DE SÃO JOÃO DE PIRABAS

A Polícia Civil de São João de Pirabas, nordeste paraense, prendeu na última sexta-feira, dia 15, José Mauricio Farias da Silva, de 29 anos, pelo crime de estupro de vulnerável. Ele é acusado de abusar sexualmente de uma criança de 5 anos de idade. A mãe da vítima denunciou o acusado e após investigações, a equipe policial o encontrou em uma van, no momento em que pretendia fugir. 

PRESO
Em depoimento, José Maurício negou o crime e afirmou que estava indo para o município de Paragominas para trabalhar em uma fazenda. O acusado responde também pelos crimes de tráfico de drogas e porte ilegal de armas. Ele já está recolhido à disposição da justiça. Participaram da operação os investigadores Dinael Alcântara e Ofir Brito e o cabo Alexandre, da Polícia Militar.